Pátio de máquinas já está em novo endereço

570

Após de dez anos funcionando na região dos Cinco Conjuntos num imóvel da Cocari, o pátio de Máquinas da Prefeitura de Mandaguari foi transferido para um terreno que retornou ao município, nas antigas instalações da empresa Tika. Toda estrutura estará funcionando num terreno de pouco mais de 40 mil metros quadrados.

Com a transferência o município deixa de pagar aluguel, benefício que também vai incluir o Almoxarifado Central, que hoje está funcionando num imóvel alugado ao lado do Corpo de Bombeiros. Segundo o prefeito Romualdo Batista “toda estrutura de oficina, serviço de borracharia, lavador e garagem vai funcionar nas novas instalações, representando economia para os cofres públicos que poderão ser revertidas em obras para a melhoria da qualidade de vida da população.”

O retorno do terreno aconteceu em duas etapas e é fruto de muitas negociações e decisões judiciais. Na primeira etapa o município conseguiu na reintegração de posse de 32.824 metros quadrados, que aconteceu em maio de 2016, através de mandado expedido pelo Juiz Substituto da Comarca de Mandaguari, Max Paskin Neto. A decisão foi resultado de uma ação movida pela Prefeitura em dezembro de 2013 junto à Vara da Fazenda Pública Mandaguari.

E recentemente o município conseguiu junto ao Badep (Banco de Desenvolvimento do Paraná), que já estava marcando o leilão de uma área anexa de 7.800 metros quadrados. Com o apoio do Governo do estado e o trabalho do deputado estadual Tiago Amaral, fechou acordo para aquisição do terreno no valor de R$ 1,5 milhão. Com isso, toda a área, localizada no início da Avenida das Indústrias, passará a pertencer ao município.

Além do Pátio de Máquinas e do Almoxarifado Central, a Prefeitura deverá construir naquela área um estádio de futebol de pequeno porte para atender a um pedido dos desportistas locais desde ao fim do tradicional campo do MEC (Mandaguari esporte Clube).

Assessoria PMM.

 

 

Compartilhar